2 de fevereiro de 2018

"para poder voltar"

Terminei esta semana o livro "Para poder voltar - diário transiberiano" de Mateus Brandão. Fiquei com vontade de voltar a viajar de comboio, de fazer o transiberiano, de conhecer a taiga russa e o lago Baikal, a estepe mongol. Talvez um dia...




"São as coisas que sentimos na pele, no peito, na língua. As montanhas que subimos, as coisas que escutamos, os aromas que inalamos (...)"
Mateus Brandão

Sem comentários:

Enviar um comentário